Em mais uma iniciativa para trocas técnicas entre empresas de dutos, a NTS participou em 29/10 de um workshop online com as empresas PIL (Pipeline Infrastructure Limited), da Índia, e NorthRiver Midstream, do Canadá. Foi o segundo encontro nesse formato entre NTS e PIL, que já haviam trocado experiências em maio deste ano. A coordenação do encontro foi da Brookfield.

Foram, ao todo, 2 apresentações da NTS, 2 da NorthRiver e 3 da PIL, com o objetivo de compartilhar desafios, melhores práticas e identificar áreas de preocupação e de melhoria comuns. As apresentações da NTS foram feitas pelo Engenheiro Especialista em Integridade de Dutos Ramon Loback e pelo Estagiário de Integridade Matheus Viana.

Para Loback, que apresentou o projeto de Data Analytics para desenvolvimento de modelo preditivo de trincas por corrosão sob tensão, o projeto apresentou um potencial de gestão de recursos acima do esperado. 

“O programa de intercâmbio com a PIL (realizado no fim de 2019/início de 2020) teve como resultado uma interação mais direta entre os departamentos de Integridade das duas empresas, em especial. Muitos procedimentos operacionais estão sendo construídos baseados nos documentos produzidos pela PIL.”, explica. 

Ele conta ainda que logo após o workshop, a NTS foi contatada pela PIL para ajudá-los tecnicamente na seleção de pontos para investigação de presença de trincas e que a interação com a NorthRiver também está aumentando após discussões sobre os programas de gestão de integridade.
 
Na visão de Matheus, que apresentou o projeto de monitoramento remoto via satélite (ação que visa antecipar ameaças de movimentações que podem afetar a integridade estrutural dos dutos), a interação com PIL e NorthRiver gera uma relação de ganha-ganha para todos os envolvidos.

“Todos saem com novas ideias e aplicações para o dia a dia. Para mim, foi uma honra poder apresentar esse projeto da área de Integridade, receber um feedback externo sobre o nosso trabalho e ainda aprender com as outras ótimas apresentações”, diz.